A MACONHA É COISA SÉRIA EM ISRAEL

by - abril 25, 2015

Em Israel, a maconha é coisa séria

Tá aí um assunto bastante controverso em todo mundo...
Maconha....Em Israel a coisa é séria de verdade.
A produção e o uso da maconha com fins medicinais é legal em Israel.
No kibutz Na'an,  Roth que sobreviveu ao holocausto e a uma apoplexia que quase lhe custou a mobilidade das mãos e, em 2011 perdeu sua mulher. Graças à maconha consegue superar um pouco melhor as dores físicas e emocionais. Depois que começou a fumar consegue pintar ou escrever com segurança.
Na casa para  idosos Hadarim, a maconha faz parte do tratamento médico. Eles são parte dos onze mil pacientes que fumam maconha em Israel de forma legal e livre.
Na geriatria o futuro não importa, mas sim o presente, a qualidade do agora e a possibilidade de longevidade sem sofrimento.
Extraída com uma seringa e dissolvida em iogurte 3 vezes ao dia em doses de meio grama, a maconha diminui drasticamente a necessidade de remédios, segundo enfermeiras, médicos e pacientes.
Pacientes com Parkinson inalam a fumaça em um vaporizador 6 vezes por dia, ajudados por uma enferneira que usa uma máscara. Porém o efeito mais potente é fumando um baseado. A maconha não muda a realidade, mas ajuda a ser aceita com mais facilidade.
Aqui em Israel, o uso da maconha é coisa muito séria. A produção e o uso medicinal são legais no país. 
A indústria local floresce autorizada pelo Ministério da Saúde. Centenas de kilos são produzidos legalmente todos os anos.
Tikkum olam ( acertando o mundo), é o maior dos oito viveiros autorizados para cultivar a canabis.
O composto  psicoativo tetrahidrocannabiol (THC), o principal elemento ativo da maconha, foi isolado pela primeira vez por Mechoulam em 1964.
Em meados dos anos 60, o Dr. Dan Efron, chefe da farmacologia da Saúde do Instituto Nacional Mental, voou para Israel e trouxe com ele um enorme carregamento de THC. Grande parte das pesquisas realizadas com a maconha nos EUA, foi feito com o material que Efron provavelmente contrabandeou para os EUA.
O THC, princípio ativo da maconha que tem sido utilizado para estudos no Instituto Nacional de Saúde em Whashington, foi importado de Israel num momento em que nenhum cientista americano poderia esperar receber apoio e financiamento para pesquisas envolvendo maconha. Com uma população de 8 milhões, apenas cerca de 11 mil israelenses tem prescrições. Desde o início da década de 90 a maconha tem sido cultivada em fazendas regulamentadas e distribuída por dispensários registrados, sendo que o paciente pode escolher entre cápsulas, biscoitos, extratos, flores secas ou na forma de pellet para ser vaporizado.
 Israel tem sido a vanguarda das pesquisas com Cannabis e nos últimos 30 anos, também esteve na vanguarda dos países que comercializam legalmente a Cannabis medicinal.
A doença de Crohn, esclerose múltipla e dores crônicas concedem a qualquer cidadão o direito de comprar e usar a Cannabis medicinalmente. Claro que tudo com receitas médicas.
O  cannabiol como composto ativo (CBD) e não o THC, foi desenvolvido inclusive para crianças com câncer. Há estudos que comprovam que ele alivia inflamações, convulsões, ansiedade, depressão, desordem por estress pós- traumático, esquizofrenia e náuseas.
Uma das estufas mantidas pela organização, e autorizada pelo governo israelense, fica em algum ponto no Norte do país. 
Por medida de segurança, não se pode dizer a localização exata. No local, estão 10 mil vasos de maconha que serão usados para fins medicinais. 
O cultivo é cuidadoso: a área reservada às plantas mais novas é uma espécie de maternidade, com luz artificial 24 horas. 
O psiquiatra Yehuda Baruch é o responsável pelo programa que receita maconha medicinal em Israel. Ele diz que os principais pacientes são os que sofrem de dor crônica e os que têm câncer.
O Ministério da Saúde de Israel publicará um documento oficial detalhando as condições do uso da maconha medicinal para crianças que sofrem crises epilépticas. 
Estima-se que, em Israel, cerca de 200 crianças sofram atualmente convulsões graves de diferentes graus. Nestes casos, a crise epiléptica é acompanhada de outros sintomas, seja por razões genéticas ou devido a problemas de desenvolvimento neurológico. A autorização, entretanto, só é válida caso outros tratamentos não sejam eficazes.

Há também estudos sendo feitos no Instituto Technion , em Haifa, norte de Israel, sobre a ajuda da maconha no retardamento do crescimento de alguns tumores cancerígenos. Estão considerando se a planta com suas variantes, pode também ser itulizada como meio de luta ativa contra tumores cerebrais e câncer de mama, emobra estejam investigando também outros tipos de tumores.
Ainda não se tem uma conclusão segura sobre essa pesquisa, mas continuam no caminho para mais alguma grande descoberta.
Aqui o uso recreativo da maconha  é proibido.
O governo estuda a possibilidade de distribuição pelas farmácias, como qualquer outro medicamento.
Existe aqui também o mercado negro da droga. Mesmo com toda dificuldade os usuários procuram sempre um caminho que os  leve a um fornecedor e preços mais razoáveis. Mesmo sendo um país com menos corrupção, sempre existe alguém que corre o risco de oferecer um produto desejado por tantas pessoas. Existe uma grande demanda para isso.
Aqui a produção,  venda e uso são considerados crimes  pelo Código Penal, porém o uso de até 15 Gramas é considerado crime de menor potencial. Nesse caso, o indivíduo condenado deverá fazer algum tipo de trabalho social, tratamento médico ou pagar multa.
Sabemos que a maconha ainda é considerada por vários seguimentos, como algo do mal , mas é fato que ela traz muitos benefícios para muita gente.
Deixo claro que esta matéria não é uma apologia a esta droga, mas sim um veículo de informação que pode ser útil para muitas pessoas. 
Mais um motivo de orgulho de nosso país.









Fontes: Global Post, Ips, internet, G1

You May Also Like

0 comentários

Follow by Email

JÁ FALEI POR AQUI

[agua- viva ABRIGO ADEGA aeroporto agência de turismo Agentes de Viagem AGRICULTURA ÁGUA AHAVA AJUDA ALEGRIA ALEGRIAS ALERTA ALIÁ ALIMENTAÇÃO aluguel AMOR ANIMAIS ANO NOVO JUDAICO ansiedade ANTIGO Antiguidade AQUECEDORES ÁRABES ARQUEOLOGIA ARQUITETURA ARTE ARTESÃO Árvore da vida ÁRVORES ASSISTÊNCIA ATIVIDADE ATROCIDADES AUDÁCIA AVENTURA avião AVIÕES ÁZIMO BANDEIRA DE ISRAEL BARCO BEDUÍNOS BEER SHEVA BELEZA belezas naturais Bíblia BNEI BRAK bom retiro BOMBAS BORDEU BUNKER CABALA cabanas Cachorros Cairo CALOR CAMINHADA CAMPANHA CAMPOS CÂNCER cannabis CANTORIA caravanas CARNAVAL CAVERNA cavernas CEGOS chamsa CHEF CHEIROS CHUVA Cidades israelenses CIÊNCIA cinema CLIMA comemoração COMIDA COMIDAS COMPUTAÇÃO comunistas CONFLITO CONSCIÊNCIA CONSTRUÇÃO CONTRIBUIÇÃO CORAÇÃO CORAGEM CORRENTEZA COSMÉTICOS COSTUMES CRAINÇAS Cratera CREMES CRENÇA CRIANÇA CRIANÇAS CRIATIVIDADE CRISTÃOS CUIDADO CUIDADOS culinária CULTURA CURA CURIOSIDADE CURIOSIDADES Custo de vida DATAS DEFESA DEFICIÊNCIA DESCOBERTA DESCOBERTAS DESENVOLVIMENTO DESERTO DESESPERO DETERMINAÇÃO DEUS devotos DIA DIA DIÁSPORA DISCIPLINA discriminação DISTRAÇÃO diversão DOCES doenças doutorado economia EDUCAÇÃO Egito ELEIÇÕES ELETRICIDADE emergência EMPRÉSTIMO DE EQUIPAMENTOS. EMUNÁ ENERGIA ERETZ ESCULTURA ESCULTURAS. Esfinge ESPAÇO CULTURAL ESPECIARIAS ESPERANÇA ESPÍRITO ESTAÇÃO ESTALAGMITES Estalagtites ESTILO DE VIDA ESTRADA ESTRADAS ESTRESS evangélicos Excursão EXERCITO EXÉRCITO EXODUS EXPLOSÃO EXPLOSÕES EXPOSIÇÃO Falafel FAMÍLIA FANTASIA FEIRA FENÔMENO FÉRIAS FESTAS FESTAS JUDAICAS FLORES FOGUETES FOLCLORE FOOTING FORÇA FORÇA DE DEFESA DE ISRAEL Frutas FRUTOS GALERIA GALILÉIA GARRA GASTRONOMIA GAZA GENTE Golda Meir gourmet gps GRUPO GUERRA Guerra do Yom Kipur Guia turístico HAIFA HAMAS HAMSIM HATZERIM HEBRAICO HELICÓPTERO HESBOLAH HIDROTERAPIA HINO HISTÓRIA histórias Holocausto Holyland HOMENAGEM HORÁRIOS DE VIAGEM HOTEL humanidade Humus idade avançada IDADE MADURA IDF IDOSOS IGREJA INDEPENDÊNCIA INQUISIÇÃO INSTRUMENTOS MUSICAIS INTELIGÊNCIA internet INVASÃO INVENÇÕES IRON DOME IRRIGAÇÃO ISRAEL Israel. segurança ISRAEL. TURISMO JARDINAGEM Jardins jejum JERUSALÉM Jordânia JUDAICA JUDAISMO JUDAÍSMO JUDEU judeus JUSTIÇA KIBUTZ KIBUTZ DAFNA kipá KOTEL LÁGRIMAS LAZER LEMBRANÇA lenços na cabeça LIBERDADE LÍNGUA PORTUGUÊSA LÍNGUAS LITURGIA LOJAS maconha MAGNETISMO MANIFESTAÇÃO Manuscritos mão de Deus mao de Fátima MAQUETES MAR MAR MEDITERRÂNEO MAR MORTO Maral tours MARINA MARINHA MATZÁ medicina MEDITERRÂNEO MEDO medusa MEMÓRIAS MERCADO MERCADO ÁRABE MERCADO DE PULGAS milagres MIMUNA MÍSSEIS MÍSSIL MISTICISMO MODERNO MONTE CARMEL Monte Sinai MORADIA MORAR BEM MORTE MORTES MOSHAV SHA'AR ISHUV Mosteiro MUÇULMANOS MUDANÇA MULHER MULHERES MULTA MUNDO MUNDO MELHOR MURO DAS LAMENTAÇÕES MUSEU MÚSICA NAMAL. PORTO NAMORADOS NAPOLEÃO NATUREZA nazismo nazistas NORTE DE ISRAEL OBRA DE ARTE ODIO ONIBUS Operação Entebbe ORAÇÃO ORQUESTRA ORTODOXOS OSNEI HAMAN PAISAGEM PAIXÃO PALESTINA palestinos palntações PANICO PÃO Papiros Paris PARQUES PÁSCOA PASSEIO PASSEIOS passeios incríveis pastores PÁTRIA PAZ PECUÁRIA PEDESTRE PERIGO perseguição PERSISTÊNCIA pesquisa PESSACH PESSOAS PETRÓLEO PIRÂMIDES PISCINA PLANTAÇÕES PLANTAS POEIRA polêmica POLÍTICA PORTO TEL AVIV PRAGAS PRAIA praia de cachorros PRAZER PRECES PRESENTES PRIMAVERA PRODUÇÃO PRODUTOS PROFETA ELIAS PROJETOS promessa PROTEÇÃO pureza PURIM Qualidade de vida quatro espécies QUEIJO QUIMIOTERAPIA RAKEVET RAMAT GAN REABILITAÇÃO realização reféns REFLEXÃO RELIGIÃO RELIGIOSOS RESERVA NATURAL RESPEITO RESPIRAÇÃO RESTAURANTE RESTAURANTES REUNIÃO REZAS RIACHO RIO RIU FIUME ROMA RUA GOSTOSA RUAS SAL SANTO SEPULCRO saudade SAÚDE SCHUK SECA SEGULOT SEGURANÇA SENSAÇÃO SENTIMENTO SERES HUMANOS SFAT SFED SHABAT SHOPPING Significados SINAGOGA SINGLES SIONISMO SIRENES SOBREVIVENTES SOCIALISMO SOFRIMENTO SOLDADO SOLDADOS SOLDADOS PESSOAS COM NECESSIDADES ESPECIAIS SONHO SORVETERIA SOUVENIRS STARTUP SUBMARINO SUCESSO SUCOT sukot SUPERMERCADOS superstição SUSTENTABILIDADE TACHANÁ TAXI TECNOLOGIA TEL AVIV TELAVIV TEMPEROS TEMPÊROS TERRA SANTA TERRORISMO thc TORA TORÁ TORTURA TRABALHO EM ISRAEL TRACKERS TRADIÇÃO TRADIÇÕES Tragédia TRÂNSITO TRANSPORTE PÚBLICO tratamento TREINAMENTO TREM TRILHA tristeza TRISTEZAS TÚNEIS TURISMO turistas Tutancamon TZAVÁ UNIÃO VELAS VENTO VIAGEM viagens VIDA VIDAS VINHO VIOLÊNCIA VÍTIMAS VOLUNTARIADO VONTADE Yad vashem YAFFO yom kipur